Empate contra Olaria garante vaga nas semifinais do Carioca.

Flamengo 3 x 3 Olaria



Novamente o ataque salva o Flamengo! A quantidade de gols que o mengão está levando ultimamente está me preocupando. Não vai ser sempre que os atacantes vão fazer 3, 4 gols. E se o ataque não fizer e a defesa continuar do jeito que está a consequencia vai ser goleadas e derrotas. Além dos gols, os zagueiros estão cometendo muitos penaltis, como o de hoje que o Bruno defendeu. O time jogou pro gasto, um empate sofrido com a classificação assegurada. Dois gols do Love e um do Imperador. O Andrade podia aproveitar a clasificação adiantada, para que no próximo jogo contra o Boa Vista domingo, para acertar a defesa! Outro destaque foi Vinicius Pacheco, além de muita vontade ele tem técnica!

3 comentários:

  Mel

4 de fevereiro de 2010 13:37

Vinicius Pacheco tem jogado muito bem.
a defesa vem me preocupando a muito tempo. Temos que lembrar que conseguimos fazer 3, 4 as vezes até mais gols, como no caso do fla-flu, porque estamos jogando com times que, talvez não sejem fracos, mas não sao times fortes que cheguem a ser ameaça(no caso uma não classificação) do Fla. Com esse time, acredito mesmo que podemos levar o primeiro turno, e até o carioca, o que me preocupa é quando chegarmos na Libertadores, encararemos times mais fortes, mais organizados e com um ataque que talvez se iguale ao nosso. O imperio do amor é muito bom! Mas até quando eles conseguirão superar a desorganização da nossa defesa?! Isso é que me preocupa.
Por enquanto fizemos nossa parte, mas ainda tem muito jogo pela frente.

Abraço, SRN

  Fla Histórias

4 de fevereiro de 2010 19:12

O Pet que se cuide, V. Pacheco esta jogando demais.

Valeu pela moral. Fique a vontade para mandar um texto, contando alguma história rubro-negra.

SRN
Viva o Flamengo!
www.flahistorias.blogspot.com
www.twitter.com/flahistorias

  mulherices

7 de fevereiro de 2010 21:02

O Flamengo patinou, mas os artilheiros resolveram mais uma vez. O Vágner Love parece que foi feito pra jogar no Maracanã.