Agora sim, na Libertadores!

A torcida fez a parte dela lotando o Engenhão para apoiar o time mais querido e bagunçado do Brasil! Enquanto futebol para o povo é uma forma de extravasar, divertir, emocionar, ser vencedor... para os dirigentes não passa de política e uma atividade extremamente lucrativa. Mas voltemos ao jogo! O time entrou disposto como há muito não se via... seria algum motivo especial? O fato é que desde do começo o Flamengo partiu em busca de seu objetivo, com a calma necessária para ultrapassar a retranca do Real Potosi. Foram muitas as jogas de trocas de passe rápidas. Léo Moura mesmo marcado foi o dono do jogo, autor do primeiro e dando passe para o segundo de Ronaldinho, que fechou a tampa do caixão da equipe Boliviana. O jogo teve momentos tensos no segundo tempo em algumas investidas do Potosi. Fato chato foi as vaias para o Atacante Deivid, que é um exemplo de profissionalismo e dedicação. Bando de corneteiro que vai ao estádio só pra zoar e aparecer na TV. Objetivo conquistado, fato que não traz paz ao Rubro Negro. 

Depois do boato antes do jogo que Luxa seria demitido, ele deu uma entrevista coletiva após o jogo dizendo que permanecia e no dia seguinte foi demitido. Agora mais uma conta a pagar, rescisão contratual. 
Em 80 partidas oficiais, 36 vitórias, 30 empates e 14 derrotas. 122 gols a favor e 86 sofridos. Aproveitamento de 57,5%. Fuga do rebaixamento no Brasileiro em 2010, título estadual invicto e classificação para a fase de grupos da Libertadores. Apesar de algumas vezes ter me feito raiva com o excesso de volantes, pela teimosia com a escalação de alguns jogadores, se olharmos o desempenho, Luxemburgo não merecia ter sido demitido.(OBRIGADO LUXA, PRINCIPALMENTE PELA MELHORA NA ESTRUTURA DO CLUBE) Um dos responsáveis pela demissão de Luxa foi Ronaldinho, e fico pensando: Se ele tem esse poder dentro do Flamengo, para que outro técnico? Para ceder a todos os seus caprichos? Pelo menos Joel é uma figura super experiente e malandro(e ainda sabe falar inglês: Pode to be?), acredito que o clima no grupo vai melhorar.Patrícia Amorim tá perdida, quase uma marionete na mão de dirigentes sem nenhum escrúpulos. E como diz o ditado, diga-me com quem andas e eu lhe direi quem és... Esse ano tem eleições no Fla, espero que os sócios saibam votar.... ou melhor, tenham alguma opção decente! Quero estar vivo para ver o Flamengo comandado por gente comprometida com o bem do Clube! Será que conseguirei?

3 comentários:

  Mel

5 de fevereiro de 2012 00:11

Corvo, a nossa sorte é sermos jovens! rs.
Luxeburgo teve muitos pontos bons durante seu tempo como tecnico do Flamengo. A estrutura, como você bem disse, é uma. Porém 57% de aproveitamento é pouco. As conquistas que tivemos em 2011 são poucas. Ainda mais se formos analisar o custo do time, que, no papel, era MUITO bom, excelente.
Quanto ao Deivid, merece meu respeito e meus aplausos. Pouca gente é exemplo de tamanho profissionalismo e dificilmente teremos um jogador que, mesmo com tantas adversidades (tanto por parte da torcida quanto da diretoria) se dedica tanto ao time.
Joel, na minha opinião "pode to be". Acho que ele tem o carisma necessário para saber lidar com a equipe e jogo de cintura o suficiente para todo esse ambiente conturbado que esta a Gávea. Me preocupa apenas o fato de ter fama de retranqueiro... Quanto aos títulos que tem acumulados, Cuca conquistou seu primeiro com o Flamengo, quem sabe Joel não arranca uma Libertadores ou um Brasileiro das mangas dos jogadores?

Um grande abraço, SRN!

  CorVo

5 de fevereiro de 2012 16:41

Pois é Mel! Meu sonho é ver Zico na Presidência, Júnior, Oscar Schmidt, Fábio Luciano, Pet em cargos administrativos. Quanto ao desempenho, tem que se levar em conta a competitividade do Futebol Brasileiro, aqui não da para ganhar títulos seguidos todo ano. O Flamengo em termos de resultados vinha bem, com uma invencibilidade que durou bastante tempo, até que teve uma grande sequencia sem ganhar mas depois deu uma estabilizada. Disse que não foi tão ruim comparado ao que há anos atrás estávamos acostumado ver, com time lutando para não cair. Lutamos e conseguimos a vaga para Libertadores, e ficamos a poucos pontos do Líder, pontos que foram perdidos por bobeira, falta de empenho que talvez já teria a ver com o relacionamento com o técnico. Só acho que se fosse para mudar o técnico, teria que ser feito desde o fim da temporada passada, para já ter uma pré temporada já preparada pelo novo comandante. Mas vamos confiar no Joel, que tem fama de conseguir bons resultados de imediato! Abraço e SRN!

  AF Sturt Silva

5 de fevereiro de 2012 21:27

Tem questões políticas nos bastidores que nós não sabemos que explicaria muito bem essas coisas no Flamengo.

Em janeiro era um defensor da demissão do Luxa, agora achei que foi um erro: o time foi ele que montou e agora o Joel pega um time no ínicio da temporada, que não foi montada por ele, para ganhar a libertadores...?

Em relação ao R10, eu fui contra ele ser contratado, e pra mim quando mais depressa ele sair é melhor...Mesmo se fizer o gol da libertadores, eu continua pedindo sua saída!

SRN!