CBF - Confuderação da Bagunça no Futebol


A CBF deve anunciar nos próximos dias a Homologação da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa como Campeonato Brasileiro.

A Taça Brasil foi criada com a função de indicar os representates brasileiros para a taça libertadores. Era um formato mata-mata, parecido com a atual Copa do Brasil. Para ser campeão, um clube disputava poucas partidas. A equiparação desse campeonato com o Brasileiro vai além da notória e habitual falta de inteligência dos dirigentes. Com essas mudanças aumentaria ainda mais o endeuzamento do Pelé, que tornaria-se o maior campeão Brasileiro do dia pra noite. A incoerência é tão grande que em 1967 e 1968 teriam dois campeões Brasileiro em uma mesma temporada, sendo que o Palmeiras em um mesmo ano seria bi. Já o legitimo campeonato Brasileiro de 1987 com todos os grandes clubes, a CBF só não reconhece por retaliação a Patricia Amorim que não votou em Cléber Leite.

O valor de um campeonato é dado na época em que ele ocorre, não é possivel retroceder e atribuir um outro valor atual a ele. Mais que um crime, é um atentado a História. Pelo mesmo raciocinio torto, todos os campeões da Copa do Brasil eram para ser reconhecidos como Brasileiro, sem contar a extinta Copa dos Campeões criada em 2000 com o mesmo intuito da Taça Brasil. O Uruguai campeão olímpico em 1924 e 1928 poderia facilmente ser considerado tetra campeão Mundial, levando-se em conta essa "equivalência".

Existem inúmeros exemplos pelo mundo no qual a manutenção dos valores e conceitualização permaneceram, mas só aqui no Brasil, nessa ZONA chamada CBF que eles possuem a ousadia de modificar o passado.
Obs: A foto de Ricardo Teixeira foi tirada no exato momento que ele usava seu Trono! Da pra perceber pela sua expressão!

3 comentários:

  Cleber Soares

17 de dezembro de 2010 16:04

E ai Corvo, blz.
Gostei da nova roupa, já ia mesmo lhe propor uma coisa assim....
Quanto ao texto vc foi perfeito, esse cidadão é muito bom de polítca, não podemos negar, mesmo que seja "políticagem".....
Essa de querer reconhecer títulos, importântes sim, mas agora, justamente quando seu nome corre noticiarios de corrupção e falcatruas...
isso é o futebol PENTA CAMPEÃO!!!!

  CorVo

17 de dezembro de 2010 16:16

Fala Cléber! To testando alguns Layouts novos! Em Breve o Fl6 vai ta de cara Nova!
Ano novo, template novo! rs

  CorVo

18 de dezembro de 2010 18:38

sobre a postagem realmente o assunto é polêmico e vem sido debatido em tudo que é roda onde o assunto é futebol! Jornalista que pensa que é Historiador é foda, já dizia meus professores. Qual a experiência desse Odir Cunha em metodologia histórica pra fazer qualquer pesquisa? Eu acho uma incoerência absurda essa atribuição de valores e conceitos de hoje, no que aconteceu no passado. O Anacronismo é uma via de duas mãos, então para não cometer esse pacado(pelo menos para um Historiador) é melhor deixar tudo como estava.