OLHA O TAMANHO DA DIVIDA DO FLAMENGO

Olá galera rubro negra e mais bem vestida do futebol mundial.

Em tempos que muitos estão preocupados em contratações de grande porte e colocando até mesmo a confiança em ZICO em check e antes de querer criticar a diretoria é bom sabermos o tamanho do buraco em que o mengão se encontra.

Lendo o excelente blog do André Monnerat (Sobre Flamengo), ele faz um resumo das dividas do mengão e nos coloca os desafios que o clube terá que enfrentar para sair desse buraco. Leia ai o post e comente, de idéias, quem sabe não sai uma coisa boa(rsrsrsrs).

- A dívida total do Flamengo hoje é de R$344 milhões. No fim de 2008, era de R$333 milhões. Ou seja: houve um crescimento de 3% no ano passado.

- O passivo a descoberto do clube é de R$79 milhões. Traduzindo: se o Flamengo pudesse vender tudo o que possui apenas para pagar as dívidas, continuaria devendo R$79 milhões.

-
Desta dívida, R$193,6 milhões são de longo prazo. O valor é alto, mas esta é a parte menos preocupante da dívida, pois está toda negociada para ser paga parceladamente. A enorme maioria disso se refere aos débitos com o governo que foram incluídos no acordo da Timemania, mas também entram na conta as dívidas com Romário (R$10 milhões) e Petkovic (R$7 milhões).


* * * * * * * * * * * * *

Agora a parte mais complicada: o passivo circulante - ou seja: dívidas que devem ser pagas até o final deste ano - é de R$151 milhões, R$2 milhões a mais do que era no final de 2008.

As receitas totais do Flamengo no ano passado foram de R$120 milhões. Isso quer dizer o seguinte: se o Flamengo mantivesse este número em 2010 e usasse todo o dinheiro pra pagar estes compromissos, ainda faltariam R$30 milhões - isso sem nem começar a pagar todas as despesas deste ano.

Como se administra nesta situação? O que a diretoria faz ao longo dos anos é pegar empréstimos e pedir adiantamentos de receitas para ir jogando estas dívidas cada vez mais pra frente. É por isso que o Flamengo está preso a perder de vista no contrato de venda de ingressos com a BWA, por exemplo. E é por isso que Kléber Leite dizia que a crise mundial tinha prejudicado tanto a vida do Flamengo: com o crédito ficando escasso no mercado pra todo mundo, ficou ainda mais difícil para o clube pegar novos empréstimos na praça - ainda mais com o nível de endividamento que ele já tem.

Pra seguir sua vida normalmente, o Flamengo não precisa zerar toda a sua dívida - mas precisa encontrar uma maneira de lidar com ela. Tem que negociar com os credores, saber quanto tem que pagar da dívida no ano e colocar isso no orçamento, para não ficar sujeito a penhoras, ações na Justiça, dificuldades de crédito e outras dificuldades.


* * * * * * * * * * * * *


Mas afinal, o que é esta dívida gigantesca do Flamengo?

- R$34 milhões de impostos e contribuições sociais. Depois que parou de precisar das certidões negativas do Estado para receber da Petrobras, este tipo de dívida estourou - cresceu R$11 milhões em relação a 2008. Hoje o Flamengo deve R$19 milhões em imposto de renda na fonte sobre os salários, fora dívidas de IPTU, ISS, FGTS, PIS, INSS e outros. É isso: em 2009, o Flamengo não deu nenhuma prioridade ao pagamento de seus impostos.

- R$ 26,3 milhões de "contas a pagar". Aí entram dívidas de curto prazo referentes a compras de jogadores (R$9,4 milhões); prêmios, direitos de imagem e luvas para os jogadores (R$10,5 milhões); comissões a agentes (R$1,5 milhão); e outras contas não especificadas, que chegam a R$6,5 milhões.

- R$13,8 milhões de obrigações trabalhistas e sociais. Aí entram rescisões contratuais, salários, férias, 13o salário e outros. No final de 2008, a situação era pior - o clube tinha R$18,2 milhões de dívidas deste tipo.

- R$23,4 milhões de empréstimos bancários. Este número cresceu mais de R$5 milhões em relação a 2008. R$19,4 milhões são com o Banco Industrial - até 2008, a dívida com este banco era de menos de R$4 milhões). Trata-se de um banco de crédito, sem rede de agências, especializado no que eles chamam de middle market (empresas com faturamento anual de R$12 a R$100 milhões por ano). Seu controlador é Carlos Alberto Mansur, dono da Vigor - que chegou a ser especulada como possível patrocinador do time ano passado.

- R$9,5 milhões de empréstimos de outras instituições - basicamente CBF, FERJ e Clube dos Treze.

- R$ 21,5 milhões de receitas a realizar - ou seja: adiantamentos. O Flamengo pegou adiantados R$8,2 milhões dos contratos com a Olympikus (no fim de 2008, eram R$9,5 milhões, mesmo sem o contrato ainda em vigor), R$1 milhão de direitos de TV (eram R$1,4 milhões em 2008) e R$12 milhões da Ingresso Fácil, relativos à bilheteria dos jogos (em 2008, eram R$15 milhões).

- Entra ainda nesta conta R$21 milhões de provisão para contingências - ou seja: dinheiro reservado para pagar ações em andamento na Justiça. São R$4 milhões de ações trabalhistas e R$17,2 milhões de ações cíveis. Em 2008, o valor desta provisão era maior: R$36,5 milhões.

7 comentários:

  Thiago

6 de julho de 2010 11:21

Prezado Cleber Soares,

Peço que corrija a passagem abaixo pois não se trata de operação junto ao Banco Industrial do Brasil S.A., esse sim controlado pelo Sr. Carlos Alberto Mansur.

"- R$23,4 milhões de empréstimos bancários. Este número cresceu mais de R$5 milhões em relação a 2008. R$19,4 milhões são com o Banco Industrial - até 2008, a dívida com este banco era de menos de R$4 milhões). Trata-se de um banco de crédito, sem rede de agências, especializado no que eles chamam de middle market (empresas com faturamento anual de R$12 a R$100 milhões por ano). Seu controlador é Carlos Alberto Mansur, dono da Vigor - que chegou a ser especulada como possível patrocinador do time ano passado."

Qualquer dúvida, fico à disposição.

Atenciosamente,

Banco Industrial do Brasil S.A.
Relações com Investidores

  Anônimo

7 de julho de 2011 11:47

Espero que a dívida do Flamengo cresça cada vez mais, até chegar ao ponto em que esse time pare de existir.

  CorVo

8 de julho de 2011 14:28

Inveja DETECTED. O cara vem num blog do Flamengo, comenta como anônimo e fala mau. Comportamento típico de Bambis ou raposas.

  Anônimo

24 de outubro de 2011 20:05

Esse comportamento é típico d quem ñ tem time p/ torcer vascaínos,tricolores e botafoguenses cujas receitas são menores q do meu mengão e devem mais.

  marcos antonio

21 de janeiro de 2012 17:29

So espero q o flamengo paque todas as suas divida e contrate mais jogadores q ja vai fezer quase 4 anos q o nosso mengão nao ganha nem um titulo fica ai o meu comentario pra vç q e flamenguista vamos confiar no nosso time e tirar essa mulher da precidencia e tentar traser o nosso querrero cicoate++++

  Anônimo

22 de janeiro de 2012 16:21

Se fosse flamengo da década de 80, até que valeria a pena esse clube ser ajudado, mas atualmente é melhor perdi concordata mesmo.

  Anônimo

22 de abril de 2013 02:14

Ate pareçe